Mortificação é Guerra

Entendemos mortificação como a luta contra as más inclinações para submetê-las à vontade de Deus. Esta prática pertence ao patrimônio espiritual da Igreja: São Francisco de Assis, São Bento e Madre Teresa de Calcutá são alguns dentre os muitos monges, religiosos e leigos que a praticaram e ainda a praticam com sentido cristão. O fundamento dogmático do oferecimento como vítima de expiação pela salvação das almas ou por qualquer outro motivo sobrenatural – reparar a glória de Deus ultrajada, liberar almas do purgatório ou atrair a Misericórdia divina sobre uma…

Read More